(51) 3269.5000 / (51) 99939.9392 relacionamento@hospitalar-ats.com.br
[]
1 Step 1
Cadastre-se para receber nossa newsletter
Nome
Previous
Next

 

Carnaval é época de festa, diversão e muita paquera. Por este motivo o Ministério da Saúde reforça as campanhas para o uso de preservativos na hora do sexo. Não importa o motivo, álcool ou calor da hora, é neste momento que muitas pessoas esquecem o preservativo e se expõe às chamadas Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs).

Para 2018 o Ministério da Saúde lançou a campanha Prevenir é Viver o Carnaval #VamosCombinar que dá continuidade à campanha lançada durante o Dia Mundial de Luta Contra a Aids, em 1º de dezembro, e visa fortalecer às diversas formas de prevenção às infecções sexualmente transmissíveis como o HIV/aids junto ao público jovem. Este ano, como novidade, serão utilizadas diferentes manifestações musicais de cada local, tais como o samba, axé, frevo, marchinhas e forró.

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, anunciou o envio a todas as unidades da federação de mais de 100 milhões de preservativos para todo o país. Atualmente, 830 mil pessoas vivem com HIV/Aids no Brasil e, destas, 548 mil em tratamento. Estima-se que 136 mil pessoas ainda não sabem que estão com HIV e que 196 mil sabem que tem o HIV e não estão em tratamento.

 

Doação de Sangue

Para garantir o estoque na semana que antecede o feriado de Carnaval, bancos de sangue que atendem o Estado do Rio Grande do Sul e a Capital Porto Alegre precisam de doações. Devido ao período de férias o número de doadores caiu e, com isso, os bancos precisam repor o estoque de vários tipos de sangue.

O Hemocentro do Rio Grande do Sul, junto aos hemocentros regionais, solicita principalmente doação do tipo O negativo. A sede do Hemocentro fica na Avenida Bento Gonçalves, 3.722, e o atendimento segue até sexta-feira (9), entre 8h e 18h. O atendimento será interrompido na segunda (12) e terça (13) de Carnaval e retorna na quarta-feira (14), às 13h.

Lembre-se: Para doar, a pessoa precisa estar com boas condições de saúde, alimentada, ter entre 16 e 69 anos, pesar no mínimo 50 quilos, apresentar documento oficial de identidade com foto, não ter ingerido bebida alcoólica e não ter fumado no mínimo duas horas antes.

 

Fonte

http://portalms.saude.gov.br/noticias/agencia-saude/ministerio-da-saude-alerta-foliao-para-o-uso-da-camisinha-no-carnaval 
http://www.saude.rs.gov.br/hemocentro-solicita-doacao-de-sangue-o-negativo-para-manter-estoque-no-carnaval

Share This